Corriqueira

A vida segue seu trajeto como quer, ela vem faz e acontece sem nem mesmo nos dar espaço para pensar em que ser. Chega como um dia fresco de primavera ou um desconfortável dia de inverno. Vem como um beijo de eu te amo na segunda e um a traição no sábado. A vida não espera ela faz. Ela arromba seus espaços mais secretos, ela teus sonhos e amplifica teus medos a vida é. 

Ela é boa, ela é o dia a dia sem graça e todas as emoções boas ou ruins. A vida é a fruta favorita e também aquele sabor que não te agrada. A vida é tão infinita na sua finitude que as vezes sufoca. 

A vida corre como quer e não como eu queria. 

Ela é o que nos move.  E o que nos envolve também. A vida é. 

A vida faz. 

A vida não para e quando para é tarde demais. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *